O amor japonês pela guitarra portuguesa

23 Outubro, 2013 — Deixa um comentário

ポルトガルギター奏者・湯淺隆&マンドリン奏者・吉田剛士

Tenho um amigo apaixonado pelo Japão. Ele é sem dúvida o português mais japonês que conheço. Admiro a paixão dele e a incessante proximidade que tenta estabelecer com o “seu” Japão, porque os países são mais do que coisas terrenas.

Por vezes temos destas coisas, de nos enamorarmos de outras paragens, de fazer coisa nossa o que está longe e de trazer para perto esse amor, seja pela leitura, pelas viagens, pela comida, pela música.

O meu amigo Rodrigo apresentou-me muito recentemente o amor de dois japoneses pela música portuguesa. Chamam-se Marionette, um duo composto pelos guitarristas Takashi Yuasa na guitarra portuguesa e Goshi Yoshida no bandolim. Eles efectuam dezenas de concertos anualmente por todo o Japão e têm divulgado activamente a história e cultura portuguesas durante as suas actuações.

Takashi e Goshi mostram assim o “seu” Portugal e de como a guitarra portuguesa, um instrumento tão particular e de difícil execução, surge nas mãos de tão improvável artista. Ao ver o Takashi tocar, fico com a sensação de que a guitarra portuguesa sempre lhe pertenceu, sempre esteve naquelas mãos.

Portugal e Japão têm uma história que os une há mais de quatro séculos mas, mais forte e durável que os factos desta história e os anos que se somam, é a música que lhes será sempre eterna.

A música apaixona, aproxima, esbate fronteiras e torna o improvável provável.

(Texto: Raquel Félix/ Portugalize.Me)

Não há comentários

Sê o primeiros a começar uma conversa

Deixe uma resposta

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

*