A onda que revelou a Nazaré

6 Dezembro, 2013 — Deixa um comentário

Zemanta Related Posts Thumbnail

O mar não brinca com ninguém“, diz Idaliza, peixeira da Nazaré.

Garrett Mcnamara revelou ao mundo um tesouro escondido, o mar da Nazaré mas, acima de tudo, revelou-nos (a nós portugueses) o que poucas vezes olhávamos e apreciávamos. Nazaré, menina das 7 saias mostra agora o que tem: mar, ondas, bom peixe, boas gentes, histórias e um potencial imenso de ir mais além.

Foi o Samarra, o Macara ou o Maclaran, como muitas vezes o chamam por lá. Diz que se afeiçoou às gentes da Nazaré, que tomou aquele lugar como seu, como uma segunda casa que o acolhe com um carinho emotivo. As pessoas, a comida, as migas da Dona Celeste, mas as pessoas… Mcnamara ama as ondas, mas a Nazaré mostrou-lhe mais coisas e é-lhe difícil sair dali.

“Peixinho bom para si” grita a Dona Idaliza… “Quando sabe que vem a onda ele vem logo… ele sabe“. Ele sabe ler os sinais, referências vitais para todos os pescadores do Canhão da Nazaré, da Praia do Norte.

As pessoas vêm para ver o Mcnamara, mas chegadas ali, percebem que a onda é um pretexto.

A “onda” mediática pôs a descoberto o coração da Nazaré.

(Texto: Raquel Félix/ Portugalize.Me/ Imagem: @polvo32)

Não há comentários

Sê o primeiros a começar uma conversa

Deixe uma resposta

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

*