António, um rapaz da rádio

15 Janeiro, 2014 — Deixa um comentário

É difícil falar de alguém que não se conheceu mas, o conhecer por vezes supera a pessoa em si e é desta forma que, aqui e acolá, encontramos as partes falantes de alguém. António Sérgio existia para além de si. Ele era a voz profunda e sábia da rádio, a porta aberta para o outro lado da música… da alternativa, do pop, do punk, do folk, dos estilos alienígenas que ainda rareavam em Portugal.

Os programas do António eram uma espécie de encontro marcado, faziam-nos esperar por um dia, uma hora e quando terminavam, a vontade de ir a correr comprar aquele álbum específico era tão forte que mais parecia uma compulsão. O António sabia como fazer os seus ouvintes apaixonar-se ainda mais pela música. Ele foi o mentor musical de muitos portugueses, o melhor professor que alguma vez se poderia ter. Marcou gerações, tirou-as de um vazio musical profundo, alimentou-lhes a alma, apimentou-lhes a vida.

Em jeito de homenagem, Eduardo Morais lança um “Uivo” a António Sérgio (documentário/ retrato do radialista). “Com edição física a ser lançada no final Outubro, este documentário necessita de um apoio para cobrir todas despesas de produção e pós-produção entre os meses de Março e Junho. Dezenas de músicos, radialistas, jornalistas, editores e amigos do António Sérgio serão entrevistados para este trabalho, sendo esta a maior fatia nas despesas de produção, juntamente com os honorários de pós-produção e auxilio nas várias animações de ilustradores nacional que este filme terá.” Quem desejar apoiar este trabalho, poderá fazê-lo na PPL – Crowdfunding Portugal até dia 03/03/2014.

Porque um país também se constrói com a ajuda e sapiência daqueles que nos permitem ir “além fronteiras”, conhecer outras realidades assegurando-nos que há um mundo diferente lá fora, bom de conhecer e de experimentar… porque António Sérgio era assim.

(Texto: Raquel Félix/ Portugalize.Me/ Imagem: Rita Carmo)

Não há comentários

Sê o primeiros a começar uma conversa

Deixe uma resposta

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

*