Cartoons… não os leva o vento

6 Fevereiro, 2014 — Deixa um comentário

Porque nem só de palavras vive o Homem, hoje dedicamos o dia a dois cartoonistas muito conhecidos da nossa praça, o António e o Rodrigo, finalistas no Press Cartoon Europe 2014 (Bélgica).

O traço irónico do desenho em jeito de caricatura é forma de expressão poderosa cujo impacto nos faz olhar a realidade de uma outra perspectiva. Os desenhos do António e do Rodrigo são sibilantes, por vezes polémicos inquietando os mais conservadores e ajustados. Os temas, a Santíssima Trindade dos tempos modernos: política, religião, futebol.

António e Rodrigo falam-nos da sua forma de ver o mundo através do cartoon, uma arte por vezes esquecida em Portugal, com pouco destaque (tira-se o chapéu aos jornais que o usam como meio de comunicação major).

Se facilmente associamos António ao célebre cartoon do Papa João Paulo II de preservativo no nariz, também o associamos à fundação do World Press Cartoon e ao seu envolvimento no Cartooning For Peace. António é um homem que coloca o seu engenho ao serviço da Humanidade.

Rodrigo é do mundo, uma espécie de globe tracker da lusofonia (nasceu em Angola, viveu no Brasil, em Portugal e agora Macau) e também ele tem o seu cartoon polémico de eleição (sobre o desemprego e as pessoas que abusam do mesmo). Tal como António, o Rodrigo faz-nos pensar, mesmo que não se concorde, mesmo que não se goste porque também ele coloca o seu engenho ao serviço da Humanidade.

Portugalize.Me_Antonio_O regresso d il cavaliere_Expresso

(António, Expresso – O Regresso D’il Cavaliere)

Portugalize.Me_De Bento em Popa_Rodrigo_Expresso

(Rodrigo – Expresso – De Bento em popa)

Portugalize.Me_Futesmola_Rodrigo_Expresso

(Rodrigo – Expresso – Futesmola)

(Texto: Raquel Félix/ Portugalize.Me)

Não há comentários

Sê o primeiros a começar uma conversa

Deixar uma resposta

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

*