Selfie à portuguesa

13 Maio, 2014 — Deixa um comentário

Careto_Portugalize.Me

Reza a tradição que as máscaras dos Caretos são usadas apenas por rapazes solteiros e que estas se enraízam em profundos rituais cujo impacto social continua a sentir-se com intensidade em algumas zonas do país, seja em Podence, Lazarim ou em Varge, terra natal da minha máscara (e aqui quebro a tradição, por não ser rapaz solteiro).

Os Caretos da aldeia de Varge, ao contrário dos Caretos de Podence e de Lazarim (os mais conhecidos), saem à rua pelo Natal, entre os dias 24 e 26 de Dezembro. Varge situa-se na Baixa Lombada do Nordeste Transmontano em pleno coração do Parque Natural de Montesinho e, todos os anos, na Festa dos Rapazes, as máscaras de folha ou chapa de zinco mostram os rostos escondidos dos rapazes solteiros da aldeia.

As máscaras impulsionam várias representações teatrais de crítica social onde a vida da comunidade rural se manifesta e se expõe. Os utensílios e adereços utilizados ampliam o significado das mensagens contidas nos rituais. “Falar” através da máscara. As máscaras que nascem das mãos do artesão António Alves (um amante desta tradição), são como uma segunda voz dada ao povo de Varge.

No passado dia 10 de Maio, Lisboa encheu-se de mascarados de toda a Península Ibérica (foram cerca de 500) graças à 9ª Edição do Festival Internacional da Máscara Ibérica. As máscaras ganham fama, conquistam outros espaços, precisam de o fazer porque as tradições já não têm o garante de outros tempos. A sucessão geracional já não se faz em muitos casos. Estes encontros são uma espécie de louvor à riqueza destes rituais.

E é este o retrato, o “selfie” das máscaras dos Caretos em Portugal. Ou um dos…

Portugalize.Me_Caretos

(Texto e imagens: Raquel Félix – Portugalize.Me)

Não há comentários

Sê o primeiros a começar uma conversa

Deixe uma resposta

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

*